Minha lista de blogs

sexta-feira, 29 de junho de 2012


Navegando em estranho mar, vermelho procuro em vão manipular o espelho, vivo o espanto de um estranho caminho, agressivos espinhos torna-se amigos, menos evasivos  não me deixam sozinho, poluídos de incompreensão , fantasmas que me rodeiam, tudo é certo em seu leito, bons samaritanos se demonstram tão perfeito,eu......continuo do meu jeito, surrado pela verdade na falsa cumplicidade, no amor de quem me ama.
Se o bom é que dura pouco escolho o outro lado da rua, fria escura mas ao menos é constante, rio de lagrimas chorado, ao ponto de ficar louco, tudo que é bom eu tive um pouco, mas nunca foi o bastante, mas a dor se fez sempre presente, companheira eternamente sempre esteve ao meu lado, renuncia triste do amor, por livre arbítrio escolhido,não vou me sentir ferido, se sou parceiro da dor,abraço fraterno, me deito com a solidão,nada disso me surpreende ,não julgue se não entende,apenas cante comigo, sem sinfonia nem ritmo cantamos qualquer canção,que dance em nossa mente e habite no coração.