Minha lista de blogs

segunda-feira, 14 de novembro de 2011

                 Que pena                    
Que pena,mas o tempo esta vencendo,que pena, mas a virtude está perdendo,a beleza deu lugar ao espanto  , que pena , a alegria  virou pranto.
Que pena , mas o tempo não  para, assim como doença maligna,não retrocede ,não sara,assim é o tempo, o tempo todo,mata o sábio, mata o tolo.
Que pena, mas a espada do guerreiro,enferrujou, mesmo o  metal o aço puro,ante o tempo se curvou ,que pena, mas nem o poeta venceu, enfadado pelo tempo sua pena se perdeu.
Que pena,mas eu não pude evitar, cansadas,pela ação do tempo,minhas mão recusam lutar,que pena eu também fui derrotado,com a paciência do tempo,como folha fui levado.
Que pena, mas não tem como fugir,não adianta negar, não adianta fingir,com o tempo eu vou partir,e nada pode impedir............Que pena.